segunda-feira, 10 de maio de 2010

Lembrancinha na garrafa e um vidro de farinha


Há 2 meses comecei a fazer meu extrato de baunilha caseiro. Cansada de ter que substituir o extrato de baunilha genuíno pedido em minhas receitas preferidas pela essência de baunilha (que nada mais é do que baunilha sintética, uma tal de vanilina, que só serve pra dar cheiro), segui as dicas de alguns blogs de receitas e fiz meu próprio extrato de baunilha, que deve ter 70% de álcool e deve ser feito com fava de baunilha real. Para tanto, tive que comprar favas de baunilha pelo Mercado Livre, já que aqui em Belo Horizonte uma única fava pode custar R$40,00. Comprei a fava de baunilha Bourbon, importada de Madagascar. Só de tocar nela, a mão já fica com um cheirinho delicioso! O extrato demora 60 dias pra ficar pronto, deve ser agitado todos os dias. O meu já está com 90 dias de idade, pronto e em pleno uso.
Essa semana, me encontrei com uma amiga que recentemente se mudou pra São Paulo. Ela acompanhou a saga do meu extrato de baunilha caseira pelo twitter, e logo pensei em engarrafar um pouco do meu extrato e dar a ela em uma garrafinha bem simpática.
E foi assim que surgiu essa garrafinha decorada com feltro e tecido de algodão, e com um cartãozinho explicando as particularidades do extrato e dicas de como renová-lo.

E porque isso tudo foi colocado aqui no blog?

Ah, vê se não daria uma ótima lembrança para um chá-de-panela?

Como nos encontramos na casa da sogra dela, levei para a anfitriã uma caixinha de acetato com dois macarons au chocolat que fiz na noite anterior. Não ficaram 100%, mas ficaram bem gostosinhos!


Foi uma ótima idéia levar algo, pois logo que cheguei já fui presenteada pela dona da casa com esse vidro charmosinho decorado com chita, palha e uma mini-colher-de-pau. Dentro, uma farinha ultra-fina especialmente preparada por ela, temperada com alho e pimenta.



Confesso que de tão gostosa, comi um pouco dessa farinha pura, e com a colherzinha!

O vidro com a farinha torrada dentro também é uma ótima lembrança para convidadas especiais de chá de panela. E mais ainda se a noiva for mineira!

2 comentários:

Carla Paiva Bonfim disse...

Que alegria encontrar com vocês. Domingo, na casa da mamãe, você recebeu muitos elogios. :))
Adorei saber que somos parentes! :))

Ale - Menos estressada disse...

Pode usar sim, claro!!!

Bjos